segunda-feira, 14 de julho de 2008

Quem pode, pode!!!

A máxima é das mais antigas. Em se tratando do mundo das quatro rodas, é até usual ouvir alguém dizer que quem tem dinheiro compra carrões, muitos deles esportivos e modelos do padrão alto luxo.


O Príncipe Charles, primeiro colocado na linha sucessória do trono britânico, anda a bordo de um aristocrático Aston Martin DB6 1970 conversível, modificado para receber o álcool.

Enquanto isso, o filho de Saddam Hussein, Odai Hussein, guardava algumas raridades na garagem do palácio, entre eles dois Rolls-Royce transformados em
“hot rods” (carros personalizados).


Depois da invasão americana no Iraque em 2003, os carros do filho do ditador iraquiano foram roubados do Palácio de Uday e enterrados no bairro de Gora, em Bagdá. Os veículos seriam negociados para colecionadores como “peças raras e históricas”.
Roberto Nunes

Um comentário:

Anônimo disse...

Prezado,esses carros da foto,não são rolls-royce transformados em hot-rod,são sim na verdade dois modelos do americano Clenet,dá para ver que um modelo é de quatro portas (branco)e o outro parece ser de duas(pelo tamanho da capota)caso não acredite faça uma busca por imagens no google e coloque o nome:CLENET

segunda-feira, 14 de julho de 2008 às 2:27:00 AM |  
A máxima é das mais antigas. Em se tratando do mundo das quatro rodas, é até usual ouvir alguém dizer que quem tem dinheiro compra carrões, muitos deles esportivos e modelos do padrão alto luxo.


O Príncipe Charles, primeiro colocado na linha sucessória do trono britânico, anda a bordo de um aristocrático Aston Martin DB6 1970 conversível, modificado para receber o álcool.

Enquanto isso, o filho de Saddam Hussein, Odai Hussein, guardava algumas raridades na garagem do palácio, entre eles dois Rolls-Royce transformados em
“hot rods” (carros personalizados).


Depois da invasão americana no Iraque em 2003, os carros do filho do ditador iraquiano foram roubados do Palácio de Uday e enterrados no bairro de Gora, em Bagdá. Os veículos seriam negociados para colecionadores como “peças raras e históricas”.
Roberto Nunes
Postado por Fred Guilhon Marcadores: ,

1 comentários:

Anônimo disse...

Prezado,esses carros da foto,não são rolls-royce transformados em hot-rod,são sim na verdade dois modelos do americano Clenet,dá para ver que um modelo é de quatro portas (branco)e o outro parece ser de duas(pelo tamanho da capota)caso não acredite faça uma busca por imagens no google e coloque o nome:CLENET

21 de fevereiro de 2011 15:35