quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

FUNDO DO BAÚ: Anúncio Coca Cola 1954

Clique na imagem para ampliar

Serviços bancários passam a ser gratuitos em abril


As novas regras para tarifas bancárias, anunciadas nesta quinta-feira (6) pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), ampliam a quantidade de serviços gratuitos oferecidos ao consumidor.

Além de criar os serviços essenciais, voltados para a população de baixa renda e isento de tarifas, houve a padronização dos demais serviços, de modo a facilitar a comparação entre as tarifas cobradas. As novas regras, que também definem uma carência de seis meses para reajustes de tarifas, valem a partir de 30 de abril.

Entenda o que muda

O titular de uma conta poupança, que hoje só tem a taxa de movimentação de conta gratuita, passa a ter outros serviços isentos. Sem pagar nada, o cliente receberá cartão para movimentar a conta e ainda poderá fazer consultas pela internet, tirar dois extratos e realizar dois saques por mês. A segunda via do cartão, quando não for solicitada pelo cliente, também não poderá ser cobrada.

Nas contas correntes, também aumentou a quantidade de isenção de tarifas. Hoje, os serviços gratuitos estão restritos ao fornecimento de cartão magnético ou talonário com pelo menos dez cheques por mês, substituição de cartão magnético, fornecimento de extrato mensal contendo a movimentação do mês e serviço de devolução de cheques, exceto quando por insuficiência de fundos.

Agora, alguns desses benefícios serão ampliados: o cliente poderá receber o cartão e as folhas de cheque (quando reúna os requisitos necessários para usar ambos), poderá realizar até quatro saques por mês, receber dois extratos mensais de movimentação de conta e ficar isento de taxa para a compensação de cheques de qualquer valor.

Entre as novas isenções, o titular de conta corrente poderá fazer até duas transferências mensais para contas de mesmo banco e fazer consultas pela internet.

Chavistas contra pinochetistas (Arnaldo Jabor)

Conceitos de esquerda e direita ficaram antigos, dinossauricos na América Latina.

O que é muito interessante nessa briga de rua no Chile, chavistas contra pinochetistas é que ela mostra como os conceitos de esquerda e direita ficaram antigos, dinossauricos na América Latina.

O pinochtetista Ivan Moreira defensor de uma ditadura brutal, que matou milhares é contra os defensores utópicos do reino da liberdade bolivariana que apóiam a ditadura do Chávez.

E mais estranho ainda: enquanto o Pinochet prendia e matava, ele entregou a economia aos liberais que transformaram o Chile no melhor país da América Latina.

Enquanto os defensores do povo chavistas certamente afundarão a Venezuela no fracasso econômico. A grande importância do marxismo foi mostrar que economia é política de classe. Ou era.

Hoje, é tão intrincada, a relação entre opressão e liberdade, entre reacionários e progressistas, que os nomes têm de ser repensados, porque os conceitos se superam rapidamente e o que era bom para o povo antes pode hoje ser uma desgraça e vice versa. Entenderam? Nem eu.

Uma coisa é certa a política corre atrás da economia e a única coisa que tem vida própria, que funciona e é real, é o mercado. Fora dele, tudo é ilusão. Estamos na era das revisões de certezas. E isso, creio, talvez, quem sabe...seja bom. Ou não.

Polônia faz reunião de papais noéis em casa maluca


Papais noéis da Polônia realizam convenção em casa de cabeça para baixo em Szymbark, no norte do país.

Funerária faz calendário com fotos de mulheres seminuas


Uma empresa italiana resolveu inovar na estratégia de marketing de seu calendário para 2008: colocou seus produtos ao lado de belas mulheres seminuas. Até aí, tudo bem. O detalhe é que a companhia é, na verdade, uma funerária, e seus produtos são caixões.

O calendário mostra a cada mês uma mulher ao redor de um modelo diferente de caixão, que pode ser encomendado na loja da Cofanifunebri, em Roma.

O dono da empresa, Maurizio Matteucci, defendeu seu calendário – que custa 7 libras, cerca de R$ 25,4 – dizendo ao site Ananova que “é uma boa jogada de marketing”. “Caixão é uma mercadoria como quaisquer outras, portanto eu as vendo assim. E os calendários são populares.”

Charge do dia


terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Cidade para comer. Chef 'constrói' Londres com massinha de biscoito


A chef alemã Beate Woelstein posa diante do Grosvenor House Hotel, de Munique, onde fez uma miniatura de vários pontos turísticos de Londres.


Todas as miniaturas foram feitas com massa de biscoito de gengibre por dois chefes de cozinha, que levaram 300 horas para fazer a construção com mais de 50 quilos de massa.

Tropa de Elite (Arnaldo Jabor)

O sucesso do filme se deve ao prazer de ver alguém fazer alguma coisa contra a violência.

O sucesso de “Tropa de Elite” não se deve a razoes artísticas ou dramáticas.

Ninguém vai se deleitar com sangue ou balés de brutalidade como os sórdidos filmes americanos costumam encenar.

O sucesso de “Tropa de Elite” se deve ao prazer, ao desejo profundo de ver alguém fazer alguma coisa contra a violência.

Eu prefiro o filme anterior de Jose Padilha, o “Ônibus 174”, que é uma obra prima que leva a reflexão sobre a complexidade política, policial, social, administrativa da miserável realidade do Brasil. “Ônibus 174” é um tratado.

“Tropa de Elite” não leva a reflexão. Mas leva a uma catarse. Explico. No teatro grego os crimes mostrados nas tragédias tinham como finalidade a integração do individuo na polis, na vida da cidade. Era a chamada purificação, a catarse.

Com Wagner Moura o espectador tem a impressão de que algo funciona para sua proteção. Ninguém sabe nada desse papo intelectual se o filme é fascista ou não, porque ninguém sabe nem o que é isso.

A doença principal do Brasil é a inércia, a ausência de providencias, de atitude.

“Tropa de Elite” nos dá a sensação, ilusória talvez, de que no país ainda existe uma atitude.

Por isso, o sucesso.

FUNDO DO BAÚ: Anúncio Leite Ninho 1958

Clique na imagem para ampliar

trapalhada na corte. Itália convoca Piu-Piu e Mickey para depor


Uma corte italiana convocou nesta terça-feira (4) os personagens Piu-Piu, Mickey Mouse, Pato Donald e sua namorada Margarida para testemunharem em um caso de pirataria em Nápoles, Itália.

A trapalhada resultou de um erro da corte napolitana que incluiu as partes prejudicadas - isto é, os personagens dos desenhos - no julgamento de um chinês acusado de piratear as imagens da Disney e da Warner Bros em adesivos e brinquedos.

Uma cópia do processo obtida pela jornal italiano "Corriere della Sera" afirma que "Signor Topolino" (nome pelo qual Mickey é conhecido da Itália) e "Signor Paperino" (Donald) devem comparecer ao tribunal no próximo dia 7 de dezembro.

A intimação teria sido entregue a um escritório da Disney na Itália.

Presidiária conquista título de beleza


Dione Normando Pires, 26 anos, é a mais nova Garota Talavera Bruce. Presa por roubo de cargas há dois anos e oito meses, ela conquistou o título nesta terça-feira (4), na quarta edição do concurso de beleza do presídio feminino do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio, superando outras 11 candidatas.

Elas foram julgadas pelos quesitos simpatia, desenvoltura e elegância. O segundo lugar ficou com Daiane Joaquim Santana, 20 anos, presa por tráfico de drogas e condenada a 11 anos. A terceira colocada foi Maria Argentina Roca, boliviana de 24 anos, presa por tráfico de drogas. Condenada a seis anos, ela já cumpriu quatro anos e quatro meses e aguarda a liberação do juiz para responder o resto da pena em liberdade.

O desfile contou com a presença de artistas, como o cantor Gustavo Lins e a cantora Fernanda Abreu. A Juíza da Vara de Execuções Penais, Ana Paula Figueiras, e o defensor público Eduardo Quintanilha, além do carnavalesco Milton Cunha, participaram da mesa de jurados.

O clima foi de festa no presídio, que contou também com um coquetel de confraternização ao fim do desfile.

“Nem estou me sentindo uma presa hoje. É o momento mais feliz da minha vida”, comemorou Dione.

Charge do dia


Árvore de Natal feita de redes


Mais um mimo a enfeitar de redes Fortaleza. No fim da tarde de ontem, a árvore de natal da Praça Portugal foi inaugurada com toda a sofisticação e o charme que esse espaço público tem a oferecer aliados à temática das festas de fim de ano. Mais um presente do Ceará Natal de Luz.

Conta o produtor executivo do projeto, Paulo Albuquerque, que a árvore tem 60 metros de altura onde saracoteiam, suaves e faceiras, 240 redes brancas. “Elas vão decrescendo numa escala logarítmica. A mesma da íris (membrana circular e pigmentada do olho em cujo centro se encontra um orifício dito pupila) humana”, explica Albuquerque, o efeito meio confuso para quem vê a árvore de baixo para cima, ali, bem pertinho do belo monumento.

Além das três mil bolas prateadas penduradas nas varandas das redes, oito anjos grandes e 300 mil pequenas lâmpadas estão deixando ainda mais bonita a praça de formato circular, de ziguezague de motores, de passos largos e miúdos. Ainda há espaço para que 18 refletores iluminem a árvore que deve, a cada dez dias em média, mudar de cor. Primeiro, está a amarela; depois, vem a azul; em seguida, verde; e, por último, branco.

A “culpa” de buscar num dos mais representativos elementos da cultura cearense, a rede, a estrutura das árvores do Ceará Natal de Luz é do publicitário Pablito Leivio e da arquiteta Denise Braga. Juntos, eles matutaram um símbolo regional que pudesse dar leveza, movimento e simplicidade sem perder, contudo, a forma e o significado do momento.

“É possível perceber claramente as propostas. Aqui, na Praça Portugal, ela é mais monumental. Já na Praça do Ferreira, popular, como pede o Centro. O bom de usar as redes é que a gente consegue se aproximar da figura do nordestino sem, para isso, perder a identificação visual do pinheiro”, argumenta Pablito.

Hoje, é a vez dos calçadões do Centro, da Secretaria de Cultura do Estado (Secult) e da sede da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza. Para esta semana também, o Aterro da Praia de Iracema. Entre os que já foram decorados com motivos natalinos, destaque para o Hotel Excelsior.

Apaixonada como poucas por propostas ousadas como essas, a decoradora Eliane Freire, de 55 anos, aprecia da janela do quarto a nova “companheira”, que se ilumina quando a noite vai chegando.

“Tudo está deslumbrante. E essa história das redes dá um toque original. Uma justíssima homenagem à nossa cultura. Penso que é consenso admirar e achar tudo muito bonito. Ainda mais com as lojas do entorno da praça igualmente iluminadas”.

O Ceará Natal de Luz é uma realização do Sistema Verdes Mares, CDL de Fortaleza, Nacional Gás, Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), Citeluz, Grupo M. Dias Branco, Instituto CDL de Cultura e Responsabilidade Social, Bradesco, Governo do Estado, Prefeitura Municipal de Fortaleza, Banco do Nordeste, Coelce, Oi e Sindiônibus.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Cara de pau - “Eu sou ladrão rapaz, num gosto de trabaiá não!”

Tortura virtual. Carros pegos em rachas serão destruídos; donos verão tudo


Veja matéria completa aqui

Homens com voz grave tem vantagem


Homens com voz grave podem ter vantagem de sobrevivência, com chances melhores de perpetuar genes. Pesquisadores descobriram que os homens com voz mais grossa têm mais filhos, pelo menos entre os hadza, tribo de caçadores da Tanzânia.

De acordo com informações anteriores de um artigo publicado on-line para a edição de 22 de dezembro da revista científica "Biology Letters", a maioria das mulheres das sociedades ocidentais se sente mais atraída a homens que têm voz mais grave, associando essa característica a indivíduos mais saudáveis e viris. Os homens, por sua vez, acham que as vozes mais agudas são mais atraentes.

É difícil descobrir quais são os motivos evolucionários que explicam o êxito reprodutivo em uma sociedade que usa métodos modernos de controle de natalidade. Os hadza não fazem controle de natalidade e escolhem seus próprios parceiros. Isso faz com que se constituam no que os pesquisadores chamam de "população de fertilidade natural" em que é possível testar hipóteses sobre êxito reprodutivo humano.

Os pesquisadores coletaram gravações de voz (os hadza falam o idioma swahili) e o histórico reprodutivo de 49 homens e 52 mulheres, a fim de identificar se o tom de voz teria alguma influência na quantidade de filhos.

Depois de idade, detectou-se que tom de voz é um indicador extremamente preciso da quantidade de filhos gerados pelo homem. Além disso, homens com vozes mais graves têm um número significativamente maior de filhos. Os pesquisadores estimaram que a qualidade de voz, isoladamente, representaria 42% da diferença no êxito reprodutivo masculino. A qualidade da voz feminina não possui relação com o número de filhos que as mulheres têm.

As explicações para o fato de homens com voz mais grossa terem maiores chances de gerar mais filhos não são claras, mas os pesquisadores destacam algumas possibilidades. Os homens de voz grave talvez tenham mais parceiras, parceiras mais saudáveis ou façam intervalos mais curtos entre o nascimento de um filho e outro, ou talvez comecem a reproduzir mais precocemente.

Este estudo, como apontam seus autores, é o primeiro a analisar o efeito do tom de voz na aptidão darwiniana em seres humanos. As descobertas vão ao encontro das constatações de diversos estudos que mostram que os sinais acústicos exercem um papel na influência da escolha feminina de parceiros em animais.

Coren Apicella, principal autora do estudo e doutoranda em antropologia biológica em Harvard, disse que as descobertas "podem, na verdade, não ter um reflexo em nossa sociedade quanto à vantagem reprodutiva." Observamos muitas características na hora de escolhermos parceiros, observou ela.

Além disso, como a paternidade foi identificada por relatos pessoais, não por DNA, pode ser que homens de voz mais grossa apenas sejam mais confiantes em relação à paternidade.

Venezuela rejeita reforma que daria superpoderes a Chávez


Numa votação extremamente disputada, a população venezuelana rejeitou a reforma constitucional proposta pelo presidente Hugo Chávez no referendo realizado neste domingo (2). O Conselho Nacional Eleitoral anunciou os resultados durante a madrugada, mais de 8 horas depois do fechamento das seções eleitorais.

A votação foi dividida em duas partes. No bloco A, 50,7% dos venezuelanos rejeitaram a proposta que, entre outros ítens, permitiria que o presidente se candidatasse indefinidamente ao cargo. A diferença entre o "Sim" e o "Não" foi de apenas 124.962 votos -num universo de 9 milhões de votantes.

No bloco B, 51,05% dos eleitores derrubaram a proposta que permitiria diminuir a idade dos eleitores (para 16 anos) e restringiria a liberdade de expressão durante os estados de exceção, entre outros ítens. A diferença entre o "Sim" e o "Não" também foi muito pequena: de apenas 187.196 votos.

Abstenção alta

Segundo dados oficiais, 9.002.439 venezuelanos votaram neste domingo, de um universo de cerca de 16 milhões que estavam aptos a ir às urnas. Na prática, 4 em cada 10 eleitores não votaram, uma abstenção alta, mas comum no país.

O resultado foi surpreendente porque contradisse pesquisas de boca-de-urna divulgadas durante a madrugada, que apontavam vitória do "Sim" por pelo menos 6 pontos percentuais, conforme foi citado pelo G1 durante a cobertura direto de Caracas.

Com a derrota, Chávez, que está em seu segundo mandato consecutivo, não poderá se candidatar novamente à Presidência na próxima eleição. Nem terá seu mandato aumentado em um ano -como previsto em sua proposta de reforma constitucional.

Derrota reconhecida

Imediatamente depois de anunciado o resultado oficial, o presidente foi à TV reconhecer o resultado. "Final de fotografia", disse, se referindo à mínima diferença pela qual o "Não" venceu o "Sim".

Fernando Llano/AP

Hugo Chávez, durante a entrevista coletiva em que reconheceu a derrota (Foto: Fernando Llano/AP)"Agradeço aos compatriotas que votaram pelas minhas propostas e também aos que votaram contra elas, pois deram uma grande demonstração de democracia", disse o presidente.

"Estamos orgulhosos do que fizemos, das nossas posições, do respeito às opiniões diferentes", disse, ressaltando que a democracia na Venezuela está mais forte de que nunca.

"Reconhecemos a decisão que foi tomada pelo povo, mas devemos reconhecer que foi uma decisão muito apertada. Respeitamos esta Constituição (a atual), respeitamos o povo, respeitamos nosso coração", disse Chávez

Segundo o presidente, a demora na divulgação nos dados se deu porque ele achava que a sociedade não merecia a tensão da contagem dos votos e, por isso, preferiu só divulgar os número depois que a vantagem do "Não" era irreversível.

"Espero que não haja nenhuma dúvida de que reconhecemos a derrota. Isso nos traz lições e a principal delas, para os setores da oposição, é que se dêem conta de que é possível e este é o caminho", disse, em relação à conquista do poder pela democracia e recomendando que a oposição deixe de lado os supostos golpes que Chávez diz haver contra ele.

A reforma

Apresentada pelo presidente Hugo Chávez, a reforma constitucional propunha a alteração de 69 dos 350 artigos da Carta Magna do país, incluindo questões importantes, como o termo do mandato presidencial (que continua sendo de 6 anos) e das reeleições, que continuam limitadas a dois mandatos (uma reeleição).

Proposta viva

Apesar de reconhecer a derrota, Chávez disse em seu discurso da madrugada que algumas das propostas de reforma da Constituição seguem vivas. Mas o presidente não detalhou como pretende implantá-las, ou mesmo se vai sugerir novas votações no futuro.

"Esta proposta é uma proposta profunda, bastante integral, uma equação de poder, intensa. Bolívar disse quando apresentou o projeto de constituição da Bolívia: 'apresento este código a meus concidadãos. Se a maioria não aceitar, deixo-o para a prosperidade.' Repito Bolívar, mas não penso numa prosperidade de cem anos. O fato de 49% da população ter votado por um projeto socialista é um grande salto político. Seguimos na batalha para construir o socialismo. Aceito que na proposta haja idéias muito audaciosas, sem precedentes. Esta proposta segue viva, não esta morta.", afirmou Chávez.

"Um dos grandes méritos deste referendo é que a oposição reconheceu a atual Constituição, de 99, depois de oito anos, e chegou a ir às ruas para defendê-la.", disse.

Isso é BRASIL !!!

Clique na imagem para ampliar

Quando o Brasil chorou (Arnaldo Jabor)

Meu avô chegou em casa chorando. Eu era menino e senti o mundo mudar em volta. Parecia que a noite caíra de repente na tarde de 16 de julho de 1950, quando o Brasil perdeu.

No pós guerra, já vivíamos um clima de Brasil grande, maior estádio do mundo, Getulio praticamente eleito.

Quatro a zero contra o México, seis a um na Espanha, sete a um na Suécia. Contra o Uruguai bastava o empate. Éramos campeões, claro...

O Brasil fez primeiro gol. Friaca. Aí era a certeza, mas não sabíamos ainda que existia a tragédia. De repente, a máquina do mundo começou a trabalhar.

Schiafino empata. A bola rola. Depois Gighia faz dois a um. Para todos aquilo não podia ter acontecido. Não era real.

Meu avô chorava sem soluços, só as lágrimas. Ele me disse que o impressionante no Maracanã era o silêncio. Ninguém falava. Só se ouvia o ruído dos pés, descendo as rampas, o silêncio dos sapatos...

Tem gente que acha que o Brasil seria diferente se tivesse ganho a Copa de 1950. Se foi ruim ou bom não sei, mas naquele dia o Brasil conheceu o destino.

Começamos entender que a grandeza de um país não é abstrata. Apenas uma taça...

O Brasil chorou ali, mas cresceu... Por dentro.

Centro começa a abrir aos domingos


Com o início de dezembro, começa também a corrida pelas compras de Natal. E para atender a demanda crescente de clientes, as lojas do Centro de Fortaleza ficarão abertas durante todos os domingos do mês. Ontem, o primeiro dia de movimentação extra, várias pessoas já foram embora com sacolas abarrotadas ou carregando enormes caixas do sonhado eletrodoméstico.

Contudo, muitos consumidores aproveitam o dia mais calmo que o restante da semana para realizar pesquisas de preço com cautela. Com as lanchonetes também funcionando, houve quem fosse ao Centro somente para levar os filhos para um passeio, admirando a decoração e tirando fotos próximo aos enfeites.

Ontem, as lojas abriram das 8 às 18 horas. O mesmo horário se repetirá nos dias 9, 16 e 30. No domingo que antecede o Natal, o funcionamento será estendido até as 20 horas. Esse fechamento mais tarde também ocorrerá nos dias de semana, entre 1º e 13 de dezembro. De 14 a 23 os clientes terão ainda uma hora a mais para as compras, com lojas abertas até as 21 horas. De 26 a 29, o fechamento volta para as 20 horas e nos dias 24 e 31 as lojas abrem das 8 às 18 horas.

Como era o primeiro dia da programação extra das lojas, muitos estabelecimentos ainda não abriram e algumas áreas do bairro estavam mais vazias que outras. Para evitar assaltos durante o período, a Polícia Militar realiza a operação “Operação Centro Seguro”, trazendo um reforço de 297 homens além da segurança normal.

NOS SHOPPINGS - Movimentação supera as expectativas

Se no Centro da Cidade a movimentação ontem ainda foi tímida, nos shoppings os corredores lotados sinalizavam que as tão esperadas compras de Natal, principalmente pelos lojistas, já começaram. E os fortalezenses aproveitaram o primeiro fim de semana de dezembro para garantir os presentes.

Segundo Abílio do Carmo, presidente da Associação dos Lojistas dos Shoppings Centers, só hoje será possível avaliar em números a movimentação do fim de semana nos shoppings. Mas a tirar pelo sábado, adianta, superou as expectativas dos lojistas. “O consumidor está voltando às compras. Acreditamos que este será o melhor Natal dos últimos dez anos”,

As praças de alimentação, salas de cinema e brinquedos acabam sendo uma atração a mais nos shoppings. A professora Marcelle Oliveira, 27 anos, levou a filha, ontem, para escolher roupas novas. Como trabalha durante a semana, só resta o domingo para ela ir às compras com mais calma. “Ainda faltam todos os presentes. Serão necessários mais domingos”, brinca Marcelle.

Para a babá Ana Paula Muniz, 22 anos, o domingo não foi diferente. Ela aproveitou o dia de folga para ir ao shopping com a família, antecipar os presentes de Natal. “Na semana é muita correria”, explica.

PARA AS CRIANÇAS - ´Sonhar Acordado´ antecipa o Natal

Crianças e voluntários do Projeto Sonhar Acordado anteciparam o Natal. Na tarde de ontem, eles compartilharam gargalhadas e muitas brincadeiras no espaço do Siará Hall, encerrando com pedidos a Papai Noel, que deu uma passadinha por ali, chegando por uma tirolesa para distribuir presentes doados por alunos de um colégio da Cidade.

Este é o sétimo ano em que o Projeto realiza a festa de Natal com crianças do Parque São José, Bom Jardim, Conjunto Ceará, entre outros bairros. Ao todo são 1.000 crianças beneficiadas em Fortaleza.

O tema deste ano foi “Floresta de Sonhos”. Com uma estrutura fechada e luzes reduzidas, o Siará Hall foi todo decorado para transportar a criançada de cinco a 11 anos para um mundo de encantamento, onde tudo vira motivo de brincadeira.

Diferentes tipos de pula-pula, camas elásticas, quebra-cabeças, jogo de bola, pula-corda e muita correria marcaram a tarde de ontem, domingo. Tanta energia foi compensada por um lanche.

“Nosso trabalho é promover a infância, transmitir valores e definir ações. Atendemos crianças de escolas que não contam com apoio municipal nem estadual e que sejam carentes”, conta a coordenadora do Projeto Sonhar Acordado em Fortaleza, Lia Quinderé. Segundo ela, existem 600 voluntários na capital cearense.

Charge do dia


Clique na imagem para ampliar

Postado por Fred Guilhon Marcadores:

As novas regras para tarifas bancárias, anunciadas nesta quinta-feira (6) pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), ampliam a quantidade de serviços gratuitos oferecidos ao consumidor.

Além de criar os serviços essenciais, voltados para a população de baixa renda e isento de tarifas, houve a padronização dos demais serviços, de modo a facilitar a comparação entre as tarifas cobradas. As novas regras, que também definem uma carência de seis meses para reajustes de tarifas, valem a partir de 30 de abril.

Entenda o que muda

O titular de uma conta poupança, que hoje só tem a taxa de movimentação de conta gratuita, passa a ter outros serviços isentos. Sem pagar nada, o cliente receberá cartão para movimentar a conta e ainda poderá fazer consultas pela internet, tirar dois extratos e realizar dois saques por mês. A segunda via do cartão, quando não for solicitada pelo cliente, também não poderá ser cobrada.

Nas contas correntes, também aumentou a quantidade de isenção de tarifas. Hoje, os serviços gratuitos estão restritos ao fornecimento de cartão magnético ou talonário com pelo menos dez cheques por mês, substituição de cartão magnético, fornecimento de extrato mensal contendo a movimentação do mês e serviço de devolução de cheques, exceto quando por insuficiência de fundos.

Agora, alguns desses benefícios serão ampliados: o cliente poderá receber o cartão e as folhas de cheque (quando reúna os requisitos necessários para usar ambos), poderá realizar até quatro saques por mês, receber dois extratos mensais de movimentação de conta e ficar isento de taxa para a compensação de cheques de qualquer valor.

Entre as novas isenções, o titular de conta corrente poderá fazer até duas transferências mensais para contas de mesmo banco e fazer consultas pela internet.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:
Conceitos de esquerda e direita ficaram antigos, dinossauricos na América Latina.

O que é muito interessante nessa briga de rua no Chile, chavistas contra pinochetistas é que ela mostra como os conceitos de esquerda e direita ficaram antigos, dinossauricos na América Latina.

O pinochtetista Ivan Moreira defensor de uma ditadura brutal, que matou milhares é contra os defensores utópicos do reino da liberdade bolivariana que apóiam a ditadura do Chávez.

E mais estranho ainda: enquanto o Pinochet prendia e matava, ele entregou a economia aos liberais que transformaram o Chile no melhor país da América Latina.

Enquanto os defensores do povo chavistas certamente afundarão a Venezuela no fracasso econômico. A grande importância do marxismo foi mostrar que economia é política de classe. Ou era.

Hoje, é tão intrincada, a relação entre opressão e liberdade, entre reacionários e progressistas, que os nomes têm de ser repensados, porque os conceitos se superam rapidamente e o que era bom para o povo antes pode hoje ser uma desgraça e vice versa. Entenderam? Nem eu.

Uma coisa é certa a política corre atrás da economia e a única coisa que tem vida própria, que funciona e é real, é o mercado. Fora dele, tudo é ilusão. Estamos na era das revisões de certezas. E isso, creio, talvez, quem sabe...seja bom. Ou não.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Papais noéis da Polônia realizam convenção em casa de cabeça para baixo em Szymbark, no norte do país.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Uma empresa italiana resolveu inovar na estratégia de marketing de seu calendário para 2008: colocou seus produtos ao lado de belas mulheres seminuas. Até aí, tudo bem. O detalhe é que a companhia é, na verdade, uma funerária, e seus produtos são caixões.

O calendário mostra a cada mês uma mulher ao redor de um modelo diferente de caixão, que pode ser encomendado na loja da Cofanifunebri, em Roma.

O dono da empresa, Maurizio Matteucci, defendeu seu calendário – que custa 7 libras, cerca de R$ 25,4 – dizendo ao site Ananova que “é uma boa jogada de marketing”. “Caixão é uma mercadoria como quaisquer outras, portanto eu as vendo assim. E os calendários são populares.”
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Postado por Fred Guilhon Marcadores:

A chef alemã Beate Woelstein posa diante do Grosvenor House Hotel, de Munique, onde fez uma miniatura de vários pontos turísticos de Londres.


Todas as miniaturas foram feitas com massa de biscoito de gengibre por dois chefes de cozinha, que levaram 300 horas para fazer a construção com mais de 50 quilos de massa.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:
O sucesso do filme se deve ao prazer de ver alguém fazer alguma coisa contra a violência.

O sucesso de “Tropa de Elite” não se deve a razoes artísticas ou dramáticas.

Ninguém vai se deleitar com sangue ou balés de brutalidade como os sórdidos filmes americanos costumam encenar.

O sucesso de “Tropa de Elite” se deve ao prazer, ao desejo profundo de ver alguém fazer alguma coisa contra a violência.

Eu prefiro o filme anterior de Jose Padilha, o “Ônibus 174”, que é uma obra prima que leva a reflexão sobre a complexidade política, policial, social, administrativa da miserável realidade do Brasil. “Ônibus 174” é um tratado.

“Tropa de Elite” não leva a reflexão. Mas leva a uma catarse. Explico. No teatro grego os crimes mostrados nas tragédias tinham como finalidade a integração do individuo na polis, na vida da cidade. Era a chamada purificação, a catarse.

Com Wagner Moura o espectador tem a impressão de que algo funciona para sua proteção. Ninguém sabe nada desse papo intelectual se o filme é fascista ou não, porque ninguém sabe nem o que é isso.

A doença principal do Brasil é a inércia, a ausência de providencias, de atitude.

“Tropa de Elite” nos dá a sensação, ilusória talvez, de que no país ainda existe uma atitude.

Por isso, o sucesso.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:
Clique na imagem para ampliar

Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Uma corte italiana convocou nesta terça-feira (4) os personagens Piu-Piu, Mickey Mouse, Pato Donald e sua namorada Margarida para testemunharem em um caso de pirataria em Nápoles, Itália.

A trapalhada resultou de um erro da corte napolitana que incluiu as partes prejudicadas - isto é, os personagens dos desenhos - no julgamento de um chinês acusado de piratear as imagens da Disney e da Warner Bros em adesivos e brinquedos.

Uma cópia do processo obtida pela jornal italiano "Corriere della Sera" afirma que "Signor Topolino" (nome pelo qual Mickey é conhecido da Itália) e "Signor Paperino" (Donald) devem comparecer ao tribunal no próximo dia 7 de dezembro.

A intimação teria sido entregue a um escritório da Disney na Itália.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Dione Normando Pires, 26 anos, é a mais nova Garota Talavera Bruce. Presa por roubo de cargas há dois anos e oito meses, ela conquistou o título nesta terça-feira (4), na quarta edição do concurso de beleza do presídio feminino do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio, superando outras 11 candidatas.

Elas foram julgadas pelos quesitos simpatia, desenvoltura e elegância. O segundo lugar ficou com Daiane Joaquim Santana, 20 anos, presa por tráfico de drogas e condenada a 11 anos. A terceira colocada foi Maria Argentina Roca, boliviana de 24 anos, presa por tráfico de drogas. Condenada a seis anos, ela já cumpriu quatro anos e quatro meses e aguarda a liberação do juiz para responder o resto da pena em liberdade.

O desfile contou com a presença de artistas, como o cantor Gustavo Lins e a cantora Fernanda Abreu. A Juíza da Vara de Execuções Penais, Ana Paula Figueiras, e o defensor público Eduardo Quintanilha, além do carnavalesco Milton Cunha, participaram da mesa de jurados.

O clima foi de festa no presídio, que contou também com um coquetel de confraternização ao fim do desfile.

“Nem estou me sentindo uma presa hoje. É o momento mais feliz da minha vida”, comemorou Dione.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Mais um mimo a enfeitar de redes Fortaleza. No fim da tarde de ontem, a árvore de natal da Praça Portugal foi inaugurada com toda a sofisticação e o charme que esse espaço público tem a oferecer aliados à temática das festas de fim de ano. Mais um presente do Ceará Natal de Luz.

Conta o produtor executivo do projeto, Paulo Albuquerque, que a árvore tem 60 metros de altura onde saracoteiam, suaves e faceiras, 240 redes brancas. “Elas vão decrescendo numa escala logarítmica. A mesma da íris (membrana circular e pigmentada do olho em cujo centro se encontra um orifício dito pupila) humana”, explica Albuquerque, o efeito meio confuso para quem vê a árvore de baixo para cima, ali, bem pertinho do belo monumento.

Além das três mil bolas prateadas penduradas nas varandas das redes, oito anjos grandes e 300 mil pequenas lâmpadas estão deixando ainda mais bonita a praça de formato circular, de ziguezague de motores, de passos largos e miúdos. Ainda há espaço para que 18 refletores iluminem a árvore que deve, a cada dez dias em média, mudar de cor. Primeiro, está a amarela; depois, vem a azul; em seguida, verde; e, por último, branco.

A “culpa” de buscar num dos mais representativos elementos da cultura cearense, a rede, a estrutura das árvores do Ceará Natal de Luz é do publicitário Pablito Leivio e da arquiteta Denise Braga. Juntos, eles matutaram um símbolo regional que pudesse dar leveza, movimento e simplicidade sem perder, contudo, a forma e o significado do momento.

“É possível perceber claramente as propostas. Aqui, na Praça Portugal, ela é mais monumental. Já na Praça do Ferreira, popular, como pede o Centro. O bom de usar as redes é que a gente consegue se aproximar da figura do nordestino sem, para isso, perder a identificação visual do pinheiro”, argumenta Pablito.

Hoje, é a vez dos calçadões do Centro, da Secretaria de Cultura do Estado (Secult) e da sede da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza. Para esta semana também, o Aterro da Praia de Iracema. Entre os que já foram decorados com motivos natalinos, destaque para o Hotel Excelsior.

Apaixonada como poucas por propostas ousadas como essas, a decoradora Eliane Freire, de 55 anos, aprecia da janela do quarto a nova “companheira”, que se ilumina quando a noite vai chegando.

“Tudo está deslumbrante. E essa história das redes dá um toque original. Uma justíssima homenagem à nossa cultura. Penso que é consenso admirar e achar tudo muito bonito. Ainda mais com as lojas do entorno da praça igualmente iluminadas”.

O Ceará Natal de Luz é uma realização do Sistema Verdes Mares, CDL de Fortaleza, Nacional Gás, Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), Citeluz, Grupo M. Dias Branco, Instituto CDL de Cultura e Responsabilidade Social, Bradesco, Governo do Estado, Prefeitura Municipal de Fortaleza, Banco do Nordeste, Coelce, Oi e Sindiônibus.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Veja matéria completa aqui
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Homens com voz grave podem ter vantagem de sobrevivência, com chances melhores de perpetuar genes. Pesquisadores descobriram que os homens com voz mais grossa têm mais filhos, pelo menos entre os hadza, tribo de caçadores da Tanzânia.

De acordo com informações anteriores de um artigo publicado on-line para a edição de 22 de dezembro da revista científica "Biology Letters", a maioria das mulheres das sociedades ocidentais se sente mais atraída a homens que têm voz mais grave, associando essa característica a indivíduos mais saudáveis e viris. Os homens, por sua vez, acham que as vozes mais agudas são mais atraentes.

É difícil descobrir quais são os motivos evolucionários que explicam o êxito reprodutivo em uma sociedade que usa métodos modernos de controle de natalidade. Os hadza não fazem controle de natalidade e escolhem seus próprios parceiros. Isso faz com que se constituam no que os pesquisadores chamam de "população de fertilidade natural" em que é possível testar hipóteses sobre êxito reprodutivo humano.

Os pesquisadores coletaram gravações de voz (os hadza falam o idioma swahili) e o histórico reprodutivo de 49 homens e 52 mulheres, a fim de identificar se o tom de voz teria alguma influência na quantidade de filhos.

Depois de idade, detectou-se que tom de voz é um indicador extremamente preciso da quantidade de filhos gerados pelo homem. Além disso, homens com vozes mais graves têm um número significativamente maior de filhos. Os pesquisadores estimaram que a qualidade de voz, isoladamente, representaria 42% da diferença no êxito reprodutivo masculino. A qualidade da voz feminina não possui relação com o número de filhos que as mulheres têm.

As explicações para o fato de homens com voz mais grossa terem maiores chances de gerar mais filhos não são claras, mas os pesquisadores destacam algumas possibilidades. Os homens de voz grave talvez tenham mais parceiras, parceiras mais saudáveis ou façam intervalos mais curtos entre o nascimento de um filho e outro, ou talvez comecem a reproduzir mais precocemente.

Este estudo, como apontam seus autores, é o primeiro a analisar o efeito do tom de voz na aptidão darwiniana em seres humanos. As descobertas vão ao encontro das constatações de diversos estudos que mostram que os sinais acústicos exercem um papel na influência da escolha feminina de parceiros em animais.

Coren Apicella, principal autora do estudo e doutoranda em antropologia biológica em Harvard, disse que as descobertas "podem, na verdade, não ter um reflexo em nossa sociedade quanto à vantagem reprodutiva." Observamos muitas características na hora de escolhermos parceiros, observou ela.

Além disso, como a paternidade foi identificada por relatos pessoais, não por DNA, pode ser que homens de voz mais grossa apenas sejam mais confiantes em relação à paternidade.
Postado por Fred Guilhon Marcadores: ,

Numa votação extremamente disputada, a população venezuelana rejeitou a reforma constitucional proposta pelo presidente Hugo Chávez no referendo realizado neste domingo (2). O Conselho Nacional Eleitoral anunciou os resultados durante a madrugada, mais de 8 horas depois do fechamento das seções eleitorais.

A votação foi dividida em duas partes. No bloco A, 50,7% dos venezuelanos rejeitaram a proposta que, entre outros ítens, permitiria que o presidente se candidatasse indefinidamente ao cargo. A diferença entre o "Sim" e o "Não" foi de apenas 124.962 votos -num universo de 9 milhões de votantes.

No bloco B, 51,05% dos eleitores derrubaram a proposta que permitiria diminuir a idade dos eleitores (para 16 anos) e restringiria a liberdade de expressão durante os estados de exceção, entre outros ítens. A diferença entre o "Sim" e o "Não" também foi muito pequena: de apenas 187.196 votos.

Abstenção alta

Segundo dados oficiais, 9.002.439 venezuelanos votaram neste domingo, de um universo de cerca de 16 milhões que estavam aptos a ir às urnas. Na prática, 4 em cada 10 eleitores não votaram, uma abstenção alta, mas comum no país.

O resultado foi surpreendente porque contradisse pesquisas de boca-de-urna divulgadas durante a madrugada, que apontavam vitória do "Sim" por pelo menos 6 pontos percentuais, conforme foi citado pelo G1 durante a cobertura direto de Caracas.

Com a derrota, Chávez, que está em seu segundo mandato consecutivo, não poderá se candidatar novamente à Presidência na próxima eleição. Nem terá seu mandato aumentado em um ano -como previsto em sua proposta de reforma constitucional.

Derrota reconhecida

Imediatamente depois de anunciado o resultado oficial, o presidente foi à TV reconhecer o resultado. "Final de fotografia", disse, se referindo à mínima diferença pela qual o "Não" venceu o "Sim".

Fernando Llano/AP

Hugo Chávez, durante a entrevista coletiva em que reconheceu a derrota (Foto: Fernando Llano/AP)"Agradeço aos compatriotas que votaram pelas minhas propostas e também aos que votaram contra elas, pois deram uma grande demonstração de democracia", disse o presidente.

"Estamos orgulhosos do que fizemos, das nossas posições, do respeito às opiniões diferentes", disse, ressaltando que a democracia na Venezuela está mais forte de que nunca.

"Reconhecemos a decisão que foi tomada pelo povo, mas devemos reconhecer que foi uma decisão muito apertada. Respeitamos esta Constituição (a atual), respeitamos o povo, respeitamos nosso coração", disse Chávez

Segundo o presidente, a demora na divulgação nos dados se deu porque ele achava que a sociedade não merecia a tensão da contagem dos votos e, por isso, preferiu só divulgar os número depois que a vantagem do "Não" era irreversível.

"Espero que não haja nenhuma dúvida de que reconhecemos a derrota. Isso nos traz lições e a principal delas, para os setores da oposição, é que se dêem conta de que é possível e este é o caminho", disse, em relação à conquista do poder pela democracia e recomendando que a oposição deixe de lado os supostos golpes que Chávez diz haver contra ele.

A reforma

Apresentada pelo presidente Hugo Chávez, a reforma constitucional propunha a alteração de 69 dos 350 artigos da Carta Magna do país, incluindo questões importantes, como o termo do mandato presidencial (que continua sendo de 6 anos) e das reeleições, que continuam limitadas a dois mandatos (uma reeleição).

Proposta viva

Apesar de reconhecer a derrota, Chávez disse em seu discurso da madrugada que algumas das propostas de reforma da Constituição seguem vivas. Mas o presidente não detalhou como pretende implantá-las, ou mesmo se vai sugerir novas votações no futuro.

"Esta proposta é uma proposta profunda, bastante integral, uma equação de poder, intensa. Bolívar disse quando apresentou o projeto de constituição da Bolívia: 'apresento este código a meus concidadãos. Se a maioria não aceitar, deixo-o para a prosperidade.' Repito Bolívar, mas não penso numa prosperidade de cem anos. O fato de 49% da população ter votado por um projeto socialista é um grande salto político. Seguimos na batalha para construir o socialismo. Aceito que na proposta haja idéias muito audaciosas, sem precedentes. Esta proposta segue viva, não esta morta.", afirmou Chávez.

"Um dos grandes méritos deste referendo é que a oposição reconheceu a atual Constituição, de 99, depois de oito anos, e chegou a ir às ruas para defendê-la.", disse.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:
Clique na imagem para ampliar

Postado por Fred Guilhon Marcadores:
Meu avô chegou em casa chorando. Eu era menino e senti o mundo mudar em volta. Parecia que a noite caíra de repente na tarde de 16 de julho de 1950, quando o Brasil perdeu.

No pós guerra, já vivíamos um clima de Brasil grande, maior estádio do mundo, Getulio praticamente eleito.

Quatro a zero contra o México, seis a um na Espanha, sete a um na Suécia. Contra o Uruguai bastava o empate. Éramos campeões, claro...

O Brasil fez primeiro gol. Friaca. Aí era a certeza, mas não sabíamos ainda que existia a tragédia. De repente, a máquina do mundo começou a trabalhar.

Schiafino empata. A bola rola. Depois Gighia faz dois a um. Para todos aquilo não podia ter acontecido. Não era real.

Meu avô chorava sem soluços, só as lágrimas. Ele me disse que o impressionante no Maracanã era o silêncio. Ninguém falava. Só se ouvia o ruído dos pés, descendo as rampas, o silêncio dos sapatos...

Tem gente que acha que o Brasil seria diferente se tivesse ganho a Copa de 1950. Se foi ruim ou bom não sei, mas naquele dia o Brasil conheceu o destino.

Começamos entender que a grandeza de um país não é abstrata. Apenas uma taça...

O Brasil chorou ali, mas cresceu... Por dentro.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Com o início de dezembro, começa também a corrida pelas compras de Natal. E para atender a demanda crescente de clientes, as lojas do Centro de Fortaleza ficarão abertas durante todos os domingos do mês. Ontem, o primeiro dia de movimentação extra, várias pessoas já foram embora com sacolas abarrotadas ou carregando enormes caixas do sonhado eletrodoméstico.

Contudo, muitos consumidores aproveitam o dia mais calmo que o restante da semana para realizar pesquisas de preço com cautela. Com as lanchonetes também funcionando, houve quem fosse ao Centro somente para levar os filhos para um passeio, admirando a decoração e tirando fotos próximo aos enfeites.

Ontem, as lojas abriram das 8 às 18 horas. O mesmo horário se repetirá nos dias 9, 16 e 30. No domingo que antecede o Natal, o funcionamento será estendido até as 20 horas. Esse fechamento mais tarde também ocorrerá nos dias de semana, entre 1º e 13 de dezembro. De 14 a 23 os clientes terão ainda uma hora a mais para as compras, com lojas abertas até as 21 horas. De 26 a 29, o fechamento volta para as 20 horas e nos dias 24 e 31 as lojas abrem das 8 às 18 horas.

Como era o primeiro dia da programação extra das lojas, muitos estabelecimentos ainda não abriram e algumas áreas do bairro estavam mais vazias que outras. Para evitar assaltos durante o período, a Polícia Militar realiza a operação “Operação Centro Seguro”, trazendo um reforço de 297 homens além da segurança normal.

NOS SHOPPINGS - Movimentação supera as expectativas

Se no Centro da Cidade a movimentação ontem ainda foi tímida, nos shoppings os corredores lotados sinalizavam que as tão esperadas compras de Natal, principalmente pelos lojistas, já começaram. E os fortalezenses aproveitaram o primeiro fim de semana de dezembro para garantir os presentes.

Segundo Abílio do Carmo, presidente da Associação dos Lojistas dos Shoppings Centers, só hoje será possível avaliar em números a movimentação do fim de semana nos shoppings. Mas a tirar pelo sábado, adianta, superou as expectativas dos lojistas. “O consumidor está voltando às compras. Acreditamos que este será o melhor Natal dos últimos dez anos”,

As praças de alimentação, salas de cinema e brinquedos acabam sendo uma atração a mais nos shoppings. A professora Marcelle Oliveira, 27 anos, levou a filha, ontem, para escolher roupas novas. Como trabalha durante a semana, só resta o domingo para ela ir às compras com mais calma. “Ainda faltam todos os presentes. Serão necessários mais domingos”, brinca Marcelle.

Para a babá Ana Paula Muniz, 22 anos, o domingo não foi diferente. Ela aproveitou o dia de folga para ir ao shopping com a família, antecipar os presentes de Natal. “Na semana é muita correria”, explica.

PARA AS CRIANÇAS - ´Sonhar Acordado´ antecipa o Natal

Crianças e voluntários do Projeto Sonhar Acordado anteciparam o Natal. Na tarde de ontem, eles compartilharam gargalhadas e muitas brincadeiras no espaço do Siará Hall, encerrando com pedidos a Papai Noel, que deu uma passadinha por ali, chegando por uma tirolesa para distribuir presentes doados por alunos de um colégio da Cidade.

Este é o sétimo ano em que o Projeto realiza a festa de Natal com crianças do Parque São José, Bom Jardim, Conjunto Ceará, entre outros bairros. Ao todo são 1.000 crianças beneficiadas em Fortaleza.

O tema deste ano foi “Floresta de Sonhos”. Com uma estrutura fechada e luzes reduzidas, o Siará Hall foi todo decorado para transportar a criançada de cinco a 11 anos para um mundo de encantamento, onde tudo vira motivo de brincadeira.

Diferentes tipos de pula-pula, camas elásticas, quebra-cabeças, jogo de bola, pula-corda e muita correria marcaram a tarde de ontem, domingo. Tanta energia foi compensada por um lanche.

“Nosso trabalho é promover a infância, transmitir valores e definir ações. Atendemos crianças de escolas que não contam com apoio municipal nem estadual e que sejam carentes”, conta a coordenadora do Projeto Sonhar Acordado em Fortaleza, Lia Quinderé. Segundo ela, existem 600 voluntários na capital cearense.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

Postado por Fred Guilhon Marcadores: