quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

Professor inventa cadeira que 'segura' alunos inquietos


Um professor de Londres resolveu acabar com os acidentes e brincadeiras de alunos que se inclinam para trás na cadeira. Ele desenvolveu um móvel que impede o movimento e promete dar aos docentes uma vida mais tranqüila, pelo menos no quesito acidente em sala de aula.

A cadeira foi chamada de “Max” e o nome de seu inventor é Tom Wates, ex-professor de matemática e educação física acostumado a lidar com as quedas de alunos. “Estava no meio de uma lição e, de repente, uma criança caía. Todos riam e era preciso começar tudo de novo”, disse o autor do projeto à Reuters.

A nova cadeira oferece maior apoio na região lombar das costas, forçando as crianças a se sentarem retas. Além disso, as pernas de trás têm uma angulação diferenciada para impedir quedas. De acordo com Wates, é impossível forçar a cadeira para trás mais do que alguns centímetros.

Mesmo antes de ser lançado, 18 escolas já pediam 1.500 exemplares do móvel, que será vendido por valor equivalente a R$ 50,85. A cadeira tem as cores azul, vermelha, verde, preta e branca e serve tanto para adultos quanto para crianças.

Nenhum comentário:


Um professor de Londres resolveu acabar com os acidentes e brincadeiras de alunos que se inclinam para trás na cadeira. Ele desenvolveu um móvel que impede o movimento e promete dar aos docentes uma vida mais tranqüila, pelo menos no quesito acidente em sala de aula.

A cadeira foi chamada de “Max” e o nome de seu inventor é Tom Wates, ex-professor de matemática e educação física acostumado a lidar com as quedas de alunos. “Estava no meio de uma lição e, de repente, uma criança caía. Todos riam e era preciso começar tudo de novo”, disse o autor do projeto à Reuters.

A nova cadeira oferece maior apoio na região lombar das costas, forçando as crianças a se sentarem retas. Além disso, as pernas de trás têm uma angulação diferenciada para impedir quedas. De acordo com Wates, é impossível forçar a cadeira para trás mais do que alguns centímetros.

Mesmo antes de ser lançado, 18 escolas já pediam 1.500 exemplares do móvel, que será vendido por valor equivalente a R$ 50,85. A cadeira tem as cores azul, vermelha, verde, preta e branca e serve tanto para adultos quanto para crianças.
Postado por Fred Guilhon Marcadores:

0 comentários: