segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Mulher rebola para enganar os homens, diz novo estudo


Quando uma mulher anda pelas ruas rebolando demais, ela provavelmente não está ovulando. A conclusão é de uma equipe de cientistas que pesquisa os sinais sexuais emitidos pelas mulheres aos homens, e foi publicada na revista "NewScientist".

Uma equipe da Queen's University de Ontario, no Canadá, vestiu algumas mulheres voluntárias com roupas equipadas com refletores de luz colocados nas juntas, nos braços e nas pernas e as filmou. O objetivo era analisar o modo como elas caminhavam.

As mulheres também forneceram amostras de saliva para que os níveis hormonais fossem checados.

As voluntárias que estavam nos períodos férteis de seu ciclo menstrual andaram com movimentos de quadril mais discretos e com os joelhos mais aproximados.

Os cientistas mostraram os vídeos para 40 voluntários homens e pediram para eles elegerem o andar mais sexy. As vencedoras foram aquelas que estavam no período menos fértil do ciclo menstrual.

O estudo parece ir contra outra pesquisa recente que aponta que os homens respondem com mais entusiasmo às mulheres em período de ovulação. Um jornal norte-americano publicou mês passado que dançarinas ganham mais gorjetas durante o período fértil.

Mas os pesquisadores canadenses acreditam que não há contradição, porque as mulheres férteis dão sinais de "chega-mais" quando estão mais perto do objeto a ser seduzido do que à distância. Esses sinais vêm através de moléculas olfativas chamadas feromônios e também por expressões faciais.

Por outro lado, o homem pode captar o andar sedutor de uma mulher à longa distância. E um caminhar sexy, visto de longe, pode depois agir como um sinal não-intencional para machos menos atrativos.

Assim, ter um andar menos sexy no período da ovulação dá à mulher uma vantagem evolucionária: ela pode "esconder" seu período fértil de um homem indesejável. O rebolado seria então uma pista falsa para iludir os homens que não agradaram.

Nenhum comentário:


Quando uma mulher anda pelas ruas rebolando demais, ela provavelmente não está ovulando. A conclusão é de uma equipe de cientistas que pesquisa os sinais sexuais emitidos pelas mulheres aos homens, e foi publicada na revista "NewScientist".

Uma equipe da Queen's University de Ontario, no Canadá, vestiu algumas mulheres voluntárias com roupas equipadas com refletores de luz colocados nas juntas, nos braços e nas pernas e as filmou. O objetivo era analisar o modo como elas caminhavam.

As mulheres também forneceram amostras de saliva para que os níveis hormonais fossem checados.

As voluntárias que estavam nos períodos férteis de seu ciclo menstrual andaram com movimentos de quadril mais discretos e com os joelhos mais aproximados.

Os cientistas mostraram os vídeos para 40 voluntários homens e pediram para eles elegerem o andar mais sexy. As vencedoras foram aquelas que estavam no período menos fértil do ciclo menstrual.

O estudo parece ir contra outra pesquisa recente que aponta que os homens respondem com mais entusiasmo às mulheres em período de ovulação. Um jornal norte-americano publicou mês passado que dançarinas ganham mais gorjetas durante o período fértil.

Mas os pesquisadores canadenses acreditam que não há contradição, porque as mulheres férteis dão sinais de "chega-mais" quando estão mais perto do objeto a ser seduzido do que à distância. Esses sinais vêm através de moléculas olfativas chamadas feromônios e também por expressões faciais.

Por outro lado, o homem pode captar o andar sedutor de uma mulher à longa distância. E um caminhar sexy, visto de longe, pode depois agir como um sinal não-intencional para machos menos atrativos.

Assim, ter um andar menos sexy no período da ovulação dá à mulher uma vantagem evolucionária: ela pode "esconder" seu período fértil de um homem indesejável. O rebolado seria então uma pista falsa para iludir os homens que não agradaram.
Postado por Fred Guilhon

0 comentários: